Maio Amarelo: Robinson lança campanha de conscientização no trânsito

O governador Robinson Faria lançou oficialmente hoje (07), no prédio da Governadoria, as ações de conscientização de condutores e pedestres que serão encampadas pelo Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran/RN) dentro do movimento Maio Amarelo.   As medidas educativas para o trânsito serão ampliadas durante todo este mês e vão ressaltar a importância do movimento mundial pela redução de acidentes.

Servidores do Detran apresentaram ao governador Robinson Faria um breve histórico com o significado, objetivos e importância do movimento Maio Amarelo para o Rio Grande do Norte, que nessa ocasião se une aos demais estados do país na luta pela diminuição dos registros de acidentes de trânsito na tentativa de preservar vidas e zelar pela segurança do cidadão no tráfego. Foram mostrados dados estatísticos de vítimas de trânsito, peças publicitárias que serão veiculadas nas várias mídias, como também as atividades educativas e de fiscalização viária que estarão presentes na capital potiguar e nas maiores cidades do Rio Grande do Norte.

“Esta campanha é muito importante para refletirmos sobre nossa responsabilidade no trânsito e vem reforçar as ações que o Governo já desenvolve com esse objetivo. Só o Projeto Educar para o Trânsito, por exemplo, deu aulas para mais de 2 mil alunos da rede pública, em 2017”, destacou o governador.

O diretor-geral do Detran, Eduardo Machado, informou que o trabalho de educação para o trânsito vai ser levado também para as escolas públicas estaduais no intuito de abrir a percepção de crianças e adolescentes para a responsabilidade de respeito às normas do tráfego e a forma segura de se comportar no trânsito enquanto pedestre, ciclista ou condutor de veículo automotor. “Esse trabalho do Detran junto às escolas é de extrema importância, pois estamos contribuindo na formação dos futuros condutores e isso traz segurança para o trânsito, que é a missão maior do movimento Maio Amarelo”, comentou.

A programação do Detran contempla palestras, blitz educativas, ações nas faixas de pedestres e workshops para as principais cidades do Rio Grande do Norte. A intenção é trabalhar junto ao cidadão atitudes conscientes de respeito e segurança no tráfego. As ações vão contemplar diversos municípios como Natal, São Paulo do Potengi, Macau, Mossoró, Pau dos Ferros, Santa Cruz, Assú, Parnamirim, Currais Novos, Caicó e Touros.

As medidas educativas vão contar com o auxílio da trupe de teatro do Detran, que trabalha difundindo informações por meio de música e encenações. Também serão distribuídos folders informativos e centenas de laços amarelos, símbolo da campanha. Já as blitzen educativas vão acontecer nas ruas e nos bares de maior movimento das cidades visitadas.

O lançamento da programação oficial do Maio Amarelo do Detran contou com as participações do superintendente da Polícia Rodoviária Federal no RN, Marcelo Montenegro, da secretária Estadual de Segurança Pública e Defesa Social, Sheila Freitas, além de representantes do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE), da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), gestores e servidores do Detran.

Maio Amarelo

O Movimento Maio Amarelo tem a proposta de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes no trânsito em todo o mundo. A ação é coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil com a intenção de colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos. Para o ano de 2018, traz o tema: “Nós Somos o Trânsito”. A campanha é internacional e existe há 4 anos, sendo atualmente apoiada por 27 países, 1425 empresas e 423 cidades.

Ações educativas no RN

Por todo o estado, o Governo do RN tem focado na modernização do Detran. Vários serviços agora são oferecidos online, como solicitar renovação da Carteira Nacional de Habilitação. Isso resulta em menos filas e tempo de espera para o cidadão. No âmbito da educação, os destaques são o projeto Educar para o Trânsito, que deu aulas para mais de 2 mil estudantes da rede pública em 2017, e a Escola Pública de Trânsito, que desde o ano passado oferece cursos gratuitos de formação de profissionais como Instrutores de Trânsito e Condutor de Mototáxi. Já foram mais de 500 alunos formados.

As campanhas educativas recentes também enfatizaram a Lei Seca, o papel do motociclista e o uso de celular ao volante. As operações da Lei Seca ganharam o reforço de seis novos veículos para atuar nas blitzen, aumentando em quase 15% o número de operações em 2017.

Leave a Comment

12 − 10 =