Blog

Alergias e intolerâncias alimentares: chega de dúvidas sobre elas

Alergias e intolerâncias alimentares: chega de dúvidas sobre elas

Alergias e intolerâncias alimentares são cada vez mais comuns em nossa população, e uma das causas deste aumento de prevalência é a progressiva inserção de alimentos industrializados na cultura alimentar ocidental. Estes termos são muitas vezes confundidos, o que talvez se justifique pelo fato de um mesmo alimento poder desencadear os dois quadros ou por ambas serem reações adversas causadas por alimentos. A distinção entre alergias e intolerâncias alimentares foi tema de uma reportagem atual de uma revista de grande circulação no Brasil.
As alergias alimentares ocorrem após a ingestão de alimentos, envolvendo mecanismos imunológicos. Na maior parte das vezes, é causada por um componente proteico do alimento, estando assim, incorreto o termo “alergia à lactose”, já que esta substância, um carboidrato, não é capaz de estimular o sistema imune. Alergias podem ser imediatas ou tardias. O primeiro grupo é de fácil identificação, pois a reação ocorre instantes após a ingestão do alimento. Estas reações são hipersensibilidades tipo 1, mediadas por IgE. Em resumo, o mecanismo é este: um pedaço de proteína mal digerida entra na corrente circulatória, estimula a produção do anticorpo IgE, que induz a produção de mediadores como a histamina, responsável por sintomas como inchaço, vermelhidão e coceira.

classifica

Alergias tardias são mais difíceis de serem percebidas, pois os sintomas podem aparecer até 4 dias após o contato com o alérgeno. Neste caso, outros tipos de anticorpos e células do sistema imunológico podem estar envolvidos, mas os sintomas são semelhantes. As alergias alimentares podem expressar-se como urticárias, dermatites, rinites, sinusites, asma, e até quadros graves como edema de glote e anafilaxia. Os alimentos mais comumente envolvidos em reações alérgicas de ambos os tipos são leite e seus derivados, derivados do trigo, frutos do mar, oleaginosas, soja, milho e ovos. Aditivos alimentares, a exemplo de corantes amarelos e vermelhos podem também causar alergias.
As intolerâncias alimentares são reações adversas a alimentos causadas por características do indivíduo, sem envolvimento de mecanismos imunológicos. Um exemplo clássico de intolerância é a intolerância à lactose, causada por insuficiência da enzima lactase, capaz de digerir o carboidrato do leite em glicose e galactose, que podem ser absorvidos. Sabe-se que adultos têm naturalmente menor quantidade de lactase em seu intestino, pois evoluímos para ingerir lactose apenas durante a infância. A intolerância à lactose pode ser causada por deficiência genética da enzima, quando é denominada “deficiência à lactose primária”. Este quadro é mais grave e raro. É detectado ainda na infância. Diarreias prolongadas, uso de laxantes e disbiose intestinal podem causar uma intolerância secundária à lactose, que é um distúrbio temporário e de menor gravidade. Os sintomas são, em sua maioria, gastrintestinais, como náuseas e diarreias, embora sintomas sistêmicos possam aparecer em virtude da deterioração da saúde intestinal.
Existem ainda reações tóxicas, causadas por substâncias presentes em alguns alimentos. As aminas bioativas são substâncias frequentemente associadas a estes quadros. Peixes, moluscos e crustáceos mal conservados podem conter quantidade significativa de histamina, e assim, quando ingeridos, podem mimetizar alergias. Alimentos fermentados como queijos e vinhos, assim como frutas, ao exemplo do abacaxi, contêm tiramina, uma amina bioativa associada principalmente a cefaleias, assim como a octopamina presente em frutas cítricas. Aditivos alimentares como realçadores de sabor, conservantes e corantes artificiais também podem causar reações deste tipo.

Governador faz balanço de primeiro ano de gestão e aponta metas para 2016

O governador Robinson Faria fez um balanço amplo do seu primeiro ano à frente do Executivo estadual e apontou metas para 2016, durante entrevista concedida na tarde desta segunda-feira (21) à jornalista Ana Ruth Dantas, no programa RN Acontece, exibido na Band Natal. O programa teve uma hora de duração e pode ser revisto na íntegra no site da emissora.
21.12.2015 Entrevista com Robinson RN Acontece (1)Na avaliação descrita por Robinson, muitos avanços aconteceram em 2015. “Estamos terminando o ano com metas alcançadas, obras sendo continuadas e servidores com o pagamento em dia. O 13º salário foi pago adiantado. E isso acontece mesmo diante de uma crise financeira, econômica e política que acontece em todo o Brasil”, destacou Robinson, atribuindo este saldo positivo a medidas de gestão.
Uma decisão de governo que contribuiu para que o estado chegasse bem ao fim de 2016 foi, segundo Robinson, a escolha dos secretários por meio de critérios técnicos. Além disso, houve um empenho para devolver a motivação aos servidores. “Trabalho muito neste sentido. Uma equipe motivada se sente muito mais preparada para os desafios”, assinalou. “Estamos em um novo momento, Ana. Todos os fatos estão aí”.
E para 2016, o governador ressaltou que a gestão está se ajustando para alcançar o equilíbrio financeiro. Para isso, foram adotadas medidas severas de contenção de gastos que resultaram em uma economia superior a R$ 300 milhões. “Também transformamos a máquina de arrecadação em uma máquina eficiente”, acrescentou.
Para não recorrer ao fundo previdenciário, Robinson apontou que aposta no crescimento econômico do estado, a partir do favorecimento do empreendedorismo, do fomento a atividade produtiva e da busca de parcerias com a iniciativa privada. Além disso, o governo está fazendo uma auditoria da folha de pagamento, algo inédito no estado e que, ao corrigir anomalias na folha, pode resultar em uma economia próxima a R$ 500 milhões/ano.
“Tudo isso se unirá em 2016. Viveremos um novo momento no equilíbrio da folha de pagamento, e também temos um ajuste fiscal que foi feito. Somando essas atitudes, estou apostando não só na recuperação das contas como no ressarcimento do fundo”, destacou Robinson.
Ao final da entrevista, o governador enumerou algumas metas para o próximo ano. Entre elas, a conquista do hub da Latan, a conclusão de obras importantes como os acessos ao aeroporto e as adutoras em curso, a construção de um novo hospital de trauma e a recuperação da malha viária em todo o estado.
FUNDO
Durante a entrevista, Robinson justificou a utilização dos recursos do Fundo Financeiro Unificado (Funfir). “Optei pela utilização por não achar justo decretar a falência do Estado. Se não usasse o fundo, isso teria acontecido. Ao final do mês, o servidores não receberiam seu salário, o que levaria também à falência do comércio”, destacou.
SANEAMENTO
Robinson assegurou que, até o final de sua gestão, Natal terá o título de primeira capital brasileira 100% saneada. A capital que mais se aproxima disso é Curitiba, que tem 80% de seu território saneado. “Nós temos no nosso lençol freático, a melhor água do Brasil. E essa riqueza ia se perder por causa da contaminação por nitrato, por não ter uma cidade saneada”, assinalou o governador, realçando ainda que cada R$ 1 investido em saneamento corresponde a R$ 5 na Saúde.
SEGURANÇA PUBLICA
“Segurança é, sem dúvida, o maior desafio do nosso governo. Comecei a trabalhar de forma muito intensa nesta área. E hoje, já existem indicadores que mostram redução de homicídios, roubos e furtos”, afirmou o governador ao falar sobre o programa de segurança preventiva Ronda Cidadã, que teve quase 90% de aprovação na área em que foi implantado de forma piloto: Areia Preta, Mãe Luiza e Petrópolis. O projeto foi levado recentemente à Zona Oeste. “Atingimos o ideal? Não. Mas esta é uma política permanente. Enquanto houver tráfico de drogas, haverá violência, mas nosso trabalho é constante”, continuou.
Nesta área, Robinson ainda lembrou que é feita uma compensação do déficit de policiais com o pagamento das diárias operacionais. Além disso, destacou a promoção de mais de 3 mil policiais, entre militares e civis.
SISTEMA PRISIONAL
Para a recuperação do sistema prisional, o governador revelou que é a favor de parcerias público-privadas para a construção e manutenção de presídios. “Funcionaria com uma cogestão, aproveitando nossos agentes e trabalhando junto com setor privado. Deu certo na Bahia, na Amazonas e em Goiás”, afirmou.
SAÚDE PÚBLICA
Através do programa RN Sustentável, serão recuperados nove hospitais regionais no Rio Grande do Norte. Segundo Robinson, os hospitais potiguares, de maneira geral, estavam todos sucateados, com equipamentos encaixotados, servidores desestimulados.
“E não eram só recursos que faltavam. Também faltava gestão. O secretário tem que sair do gabinete e ir a campo. Pedi ao secretário Lagreca um diagnóstico de todos os hospitais”, afirmou. Robinson ainda destacou durante a entrevista que irá entregar ao estado um novo hospital de traumas.
TURISMO
O Turismo é para o governador um dos principais exemplos do novo modelo de gestão adotado por seu governo. “O RN recentemente recebeu 300 voos extras da CVC. Também fui a Portugal e fechei acordo com a companhia TAP e agencia Abreu, que vai vender Natal para toda a Europa. Vamos ter aqueles voos internacionais de volta”.
Das obras ligadas diretamente a esta área, Robinson destacou os acessos ao aeroporto de São Gonçalo que estão sendo tocados com agilidade.
EDUCAÇÃO
“A educação é o berço da sociedade. O RN tem indicadores que depõem contra o estado há muitos anos, e a resposta das nossas ações não será em curto prazo”, afirmou, lembrando que primeiro convocou 1300 professores, depois concedeu promoções reprimidas há mais de 10 anos. “Com essas medidas de valorização, o professor se sente motivado. Essa motivação ira mudar o desempenho da educação. Agora, a resposta não será mo primeiro ano”.
SECA
Robinson afirmou à jornalista que o governo não tem medido esforços para enfrentar os efeitos da seca no Rio Grande do Norte. Está concluindo a adutora do Alto Oeste, que irá retirar da situação de colapso 12 município, e recentemente devolveu água à população de Carnaúba dos Dantas – cidade há mais tempo em colapso no estado.
Em outra frente, o governo está aguardando liberação de recursos do Governo Federal. Dois planos de enfrentamento – um mais restrito de R$ 63 milhões e um macro com orçamento de R$ 300 mi – já foram apresentados ao Governo Federal.
Agora, Robinson vai solicitar audiência particular com a presidente Dilma Rousseff, na qual fará o convite para que ela venha conhecer a realidade do RN de perto.
21.12.2015 Entrevista com Robinson RN Acontece (2)

Tentativa de assalto termina com suspeito morto em Mossoró

Um homicídio foi registrado nesta noite, 21, na rua da Alegria, bairro Belo Horizonte no Município de Mossoró. Segundo informações, dois jovens em uma moto tipo traxx 50c de cor preta tentaram assaltar um cidadão. Ao perceber a tentativa de assalto, uma pessoa ainda não identificada reagiu e atirou contra os bandidos, alvejando um no local de posse de um revólver.

A equipe do SAMU foi acionada e constatou o óbito, polícia militar isolou o local e acionaram o ITEP para a remoção do corpo.
                                      IMG-20151221-WA0118

Acidente de trânsito deixa duas vítimas fatais em Acarí-RN

Um grave acidente com duas vítimas fatais foi registrado na BR-427, KM 32, município de Acarí, envolvendo um veículo tipo Gol de placa OJV-5362, conduzido por Jailson Santos de Lucena, 26 anos, natural de Jardim do Seridó, e uma motocicleta Honda Pop 100 de cor vermelha, conduzida por João Rodrigues da Silva, 49 anos, natural de Currais Novos. O fato ocorreu por volta das 23h30min desse Sábado, no qual os dois ocupantes da motocicleta vieram a óbito no local. Na moto também estava Inácio Ribamar de Medeiros, 40 anos, natural de Acarí.

O acidente foi uma colisão frontal. O condutor do Gol fez o exame do bafômetro que deu negativo para o consumo de álcool, o mesmo ficou levemente ferido apesar da gravidade do acidente.

A Polícia Militar foi acionada e fez o isolamento do local até a chegada da PRF e do ITEP.

IMG-20151220-WA0012            IMG-20151220-WA0013

Robinson regulariza terras do Baixo Açu e entrega 400 financiamentos do Microcrédito Empreendedor

O Governo do Estado fez neste sábado a entrega de 61 títulos de regularização fundiária a produtores rurais do Distrito Irrigado do Baixo Açu (DIBA), acabando com uma espera de 20 anos. Com a regularização o produtor rural passará a ter a posse efetiva da terra e poderá contratar financiamento para melhorar e ampliar a produção.

O governador Robinson Faria realizou a entrega dos títulos na sede do Diba, no município de Alto do Rodrigues. Os 61 lotes somam uma área de 2,4 mil hectares que produzem banana, melão, melancia, graviola, limão e côco.

Na mesma solenidade o Governo do Estado, através da Secretária Estadual do Trabalho, Habitação e Ação Social (SETHAS) fez a entrega de 400 cheques do programa Microcrédito do Empreendedor que beneficia pequenos negócios.

“O nosso governo é amigo do setor primário, do produtor rural, do agricultor do pequeno comerciante. Hoje é um dia histórico, estamos atendendo uma reivindicação de duas décadas, retiramos os processos da gaveta e tornamos realidade. Com a regularização da terra o produtor será o dono efetivo e poderá ir ao banco e fazer financiamento para adquirir equipamentos para produzir mais e melhor. O microcrédito atende centenas de pequenos comerciantes que agora podem dinamizar suas atividades, aumentar sua oferta, melhorar suas instalações e adquirir equipamentos. Isso vai gerar novos empregos, estimular a economia e melhorar a renda de muitas pessoas”, afirmou Robinson Faria.

IMG-20151219-WA0284    IMG-20151219-WA0285

Sethas-RN lança nota de esclarecimento

Em virtude da ação do Ministério Público na manhã desta sexta-feira (18) no auditório da Secretaria do Estado de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas-RN), onde estava sendo realizada uma das fases do certame licitatório dos Restaurantes Populares, a Sethas informa que a licitação foi suspensa por determinação do MP, em razão de investigação contra alguns dos empresários licitantes.

Ressaltamos que a investigação é restrita aos empresários conduzidos para prestar esclarecimentos, não havendo qualquer acusação contra os servidores da Sethas-RN.

A Sethas-RN pauta sua atuação no cumprimento da lei e transparência das suas ações e reitera que está à disposição para colaborar com o que for necessário para o êxito do trabalho do Ministério Público.

CPRE prende três condutores e apreende 17 veículos em Natal e Mossoró

O Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) realizou na noite desta quarta-feira (16) bloqueios terrestres, na RN 160, no acesso ao Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, e nas RNs 117 e 015, na Região Oeste, o que resultou na abordagem de 200 pessoas e 152 veículos.
Nesta operação, também foram confeccionados 21 autos de infração de trânsito, com o recolhimento ao pátio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) de 17 veículos, entre carros e motos. Três pessoas foram detidas, na RN 160, após serem flagradas conduzindo veículo sob o efeito de bebida alcoólica.
A ação do CPRE faz parte da Operação Brasil Integrado “Proteção à Vida”, fortalecendo as ações integradas voltadas à redução da violência, da criminalidade e dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), especialmente os homicídios.
               IMG-20151217-WA0018                                      IMG-20151217-WA0026

Depois de três anos, Carnaúba dos Dantas sai do colapso de abastecimento de água

Num momento de intensa crise hídrica, um alento para os moradores de Carnaúba dos Dantas, município do Seridó localizado a 260 km de Natal: após quase três anos em colapso total de abastecimento, a água voltará às torneiras dos moradores da zona urbana. O reabastecimento da cidade e de mais duas comunidades de Parelhas – Juazeiro e Santo Antônio do Cobra –  se dará graças à conclusão do sistema adutor inaugurado pelo governador Robinson Faria na manhã desta quinta-feira, 17. Serão beneficiadas cerca de 9 mil pessoas.

As obras dessa adutora estavam paralisadas desde janeiro de 2013 e foram retomadas no início de julho. Para conclusão da obra, o Ministério da Integração (MI) financiou R$ 1,1 milhão.

“Vi de perto o sofrimento destas famílias quando eu ainda estava em campanha. Vi  crianças e idosos carregando baldes de água, e assumi comigo mesmo o compromisso de fazer o possível pra solucionar esta situação. E mesmo em um momento de crise financeira, aqui estou hoje, com a benção de Deus, entregando uma obra definitiva que vai devolver água ao povo de Carnaúba dos Dantas”, destacou o governador Robinson Faria.

A adutora tem 25 km de extensão e utilizará água do açude Boqueirão, um dos poucos reservatórios da região Seridó que ainda tem água. O secretário estadual de Recursos Hídricos, Mairton França, explicou que a cidade já entrará no sistema de rodízio, o que garantirá o abastecimento por mais tempo. “A população de Carnaúba dos Dantas já está adaptada ao racionamento, mas é sempre bom lembrar a importância do uso racional da água”, assinalou.

Para o funcionamento da adutora, será instalado no reservatório do açude Boqueirão, um equipamento tipo flutuante com duas bombas submersas para captação de água que passará por uma estação de tratamento (ETA) e depois para uma estação elevatória de água tratada. Nas comunidades de Juazeiro e Cobra serão utilizados os reservatórios já construídos pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídrico (Semarh), através do Programa de Convivência com o Semiárido (PSP).

Perto do município de Carnaúba dos Dantas, será construída uma estação elevatória que mandará, por gravidade, a água que será distribuída para a cidade. Este complexo instalado permitirá uma oferta de 32 litros de água por segundo. Um detalhe relevante é que o sistema será todo automatizado, aumentando assim sua eficiência. Este sistema adutor foi orçado originalmente em R$ 12 milhões.

O secretário executivo do Ministério da Integração Nacional, Carlos Vieira Fernandes, participou da solenidade de entrega e ressaltou a sua alegria em estar entregando uma obra definitiva e que devolverá dignidade à população da cidade. “Sou Nordestino e sei que durante muito tempo a saída para a crise hídrica era o êxodo. E entregar uma obra assim, que permite ao povo se estabelecer no seu ambiente, é uma grande alegria para nós que fazemos o Governo Federal”, afirmou, após elogiar a gestão estadual pela iniciativa. “O apoio do Ministério foi apenas a cereja do bolo”, continuou.

A obra foi executada pela construtora A.Gaspar S.A e a Coordenadoria de Infraestrutura da Secretaria dos Recursos Hídricos (Semarh) foi a responsável pelo acompanhamento e fiscalização. A operação deste sistema será de competência da Companhia de Águas e Esgotos do RN (CAERN).

Inauguração Adutora Carnaúba - Parelhas - Fotos Demis Roussos (3)                     Luzia Paiva Nascimento - professora (1)

Cidade com mais tempo em colapso

“Dois anos, onze meses e nove dias”. Na fala do prefeito de Carnaúba dos Dantas, Sérgio Eduardo, o tempo em que a cidade estava em colapso total transparece a angústia que a falta de água causa. “Somos a cidade do Rio Grande do Norte que estava há mais tempo sem água. Esta obra trará um alivio muito grande para a população”, afirmou, salientado que a adutora foi iniciada em 2010 e deveria ter sido concluída dois anos depois.

O prefeito explicou que o suprimento da cidade foi feito durante todo este tempo em carros-pipa, que depositavam a água em 19 chafarizes espalhados pela cidade.

“Vivemos um período em que fomos forçados à adaptação, mas vivíamos a angústia de ficar na dependência de carro pipa, e de correr atrás de Recursos Federais para que a operação pipa não parasse”, ressaltou.

Ainda segundo o prefeito, a obra representará um novo momento para a cidade. “Havia uma Cobrança enorme da população, ainda mais porque a obra estava perto de ser concluída. A solução seria apenas uma decisão política, e que o governador Robinson Faria teve coragem de fazer. A nossa maior alegria nesse momento é porque não houve promessa de Robinson; houve ação”, concluiu.

Vitória

Já eram quatro anos acordando às 4h da manhã pra carregar latas de água num carro de mão. O fim desta peleja, alcançado com a conclusão da adutora, é “uma grande vitória” para a dona de casa Rosanea Cristina Dantas, 49. “Graças a Deus a água chegou, é uma benção pra gente. Deus iluminou o governador e vai mandar chuva pra o Nordeste”, afirmou,

Para Rosanea, que mora com o marido e dois filhos, era muito triste ter que ficar contando cada gota de água. O banho, por exemplo, era tomado dentro de uma bacia para reaproveitam a água utilizada. “Mas mesmo agora, com água na torneira, é preciso ter consciência”, realçou.

A professora aposentada Luzia Paiva Nascimento, 63 anos, respira aliviada pelo novo momento que está prestes a viver. “Estou feliz não só por mim, mas por toda a população dessa cidade, que vem sofrendo há muito tempo. Até banho a gente só pode tomar um por dia”.  A situação já era tão extrema, que as torneiras foram retiradas. “Agora, vou instalar todas as torneiras novamente”, comemorou ela.

Para ter água em casa, a aposentada comprava um carregamento de carro pipa a R$ 80 para encher um tanque e a caixa d’água. Um custo bastante alto, e que não será mais necessário. Luzia é de Patu e mora há 30 anos em Carnaúba. Atualmente vive com um filho.

Mossoró: Câmara Cultural acontece na sexta-feira, dia 18

A Câmara Municipal de Mossoró realiza mais uma edição do projeto Câmara Cultural nessa sexta-feira, 18, às 18h, na Praça Vigário Antônio Joaquim.

Com o tema “Inclusão: Ser Diferente é Normal!”, o projeto terá em sua programação a entrega do Troféu Gonzaga Chimbinho a Benômia Rebouças, Haroldo Jácome (Radialista) e Joãozinho GPS (Radialista), além de muita música, dança, literatura e feira de artesanato.

A Coordenadora do Fórum das Mulheres com Deficiência, Benômia Rebouças, enfatiza que é uma oportunidade para que os artistas deficientes possam mostrar suas artes e talentos para um grande público. “É necessário que as pessoas conheçam um pouco mais sobre a diversidade e a complexidade dos diferentes tipos de deficiência física. Trazê-los para um palco, dá visibilidade ao artista e a este assunto que precisa ser discutido. A condição de igualdade social nem sempre está presente no cotidiano do deficiente físico, mesmo tendo seus direitos garantidos pela legislação.”

PROGRAMAÇÃO:

Música: Clédina e Gute do Prado, Binho do Prado, Zé Luiz, Thiago Fragoso, Francisco Morais, Fabiano Show, Airton Cilon, Coral de Surdos (Mãos em Sintonia).

Dança: Maria Estela e Filipe Granja, Cia. Arte sem Limites e Yascara Sâmara (dança do ventre)

Literatura: Literatura por Martha Cristina (escritora e poetisa)

Artesanato: Janilde Falcão

deficiente

RN tem alto índice de deficiência

O Rio Grande do Norte é um dos Estados brasileiros com o maior índice de pessoas com um ou mais tipos de deficiência (visual, motora, auditiva e/ou mental/intelectual). No total, são 882.022 potiguares portadores de pelo menos um destes problemas. O índice corresponde a 27,8% do total da população e é o mesmo da Paraíba, conforme dados do Censo 2010. Além do percentual relacionado ao número de pessoas com algum tipo de deficiência, o órgão federal divulgou números que dizem respeito à imigração, nupcialidade (casamentos, divórcios, relações estáveis), fecundidade (número de filhos por família) e mortalidade infantil, educação, trabalho, rendimento, deslocamento e domicílios. A maioria deles apresentou significativa melhoria quando comparados com os percentuais obtidos no Censo Demográfico do ano 2000. A deficiência visual foi a mais frequente, atingindo 35,8 milhões. (Fonte: www.tribunadonorte.com.br)

 

Entrevista exclusiva com a Ex-Deputada Federal Sandra Rosado

A Coluna “Politicando” traz até você entrevistas exclusivas com Políticos, Empresários e Pessoas que se destacam na nossa sociedade. Acompanhe semanalmente o nosso bate papo e fique por dentro de tudo que acontece na política do nosso Estado.

E para dar início as nossas entrevistas, a primeira convidada é a Ex-Deputada Federal Sandra Rosado, que nos recebe em sua casa e fala exclusivamente sobre temas como família, trajetória politica e planos para o futuro.

Sandra Rosado: “Quem saiu de sua casa com a família para enterrar um filho, tem forças para enfrentar qualquer desafio.” Assistam: